quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Sobre a falta de água...

Estamos enfrentando uma grande crise com a falta de água em vários estados/cidades do país!

Resolvi falar disso aqui no blog porque a hemodiálise depende basicamente disso. O sangue é filtrado pela água, que passa por um processo de filtragem chamado Osmose, para que fique mais pura que a água que consumimos.

Consequentemente as máquinas de hemodiálise funcionam à energia elétrica, ou seja, que também precisa da água para existir. Um colapso na energia elétrica ou a falta de água é um colapso grandioso na vida dos renais. Já que, a maioria dos pacientes em hemodiálise só conseguem ficar bem dois dias sem o tratamento.

Eu, sinceramente, evito pensar muito no assunto, que costuma me deixar tensa.Tento fazer minha parte, economizando o que posso. Mas confesso que esse assunto me preocupa...

Outro dia faltou energia na clínica onde dialiso, mas por causa do gerador (que abastece a clínica em média 24hrs) não ficamos sem dialisar. Mas tivemos que dialisar sem o ar-condicionado. Como onde dialiso as salas possuem janelas bem grandes, abrimos as duas e o vento correu pela sala. Mas fico pensando nas clínicas "normais", tipo salas fechadas de hospitais que precisam atender o paciente de qualquer forma...

Precisamos repensar nosso consumo. Nossos atos e nossa rotina em relação ao mundo. Temos muito trabalho a fazer, muita coisa para ser consertada. Mas só de pensar, me canso...

Acho que por isso, a maioria das pessoas só observam...sem querer saber aonde vamos parar!

E acho que deixamos a torneira aberta por tempo demais...

Economize, acredito que ainda dê tempo¨*
Lü Sielskis.

Um comentário:

Hagmar N. Curto disse...

Ótima matéria Lu!! Também fico preocupado com o futuro...